Faça parte de nossos grupos de Whatsapp

Brasil

Após corpo de noivo ser encontrado, pai de curitibana não tem mais esperanças

O casal estava em uma pousada que foi atingida pela lama da barragem em Brumadinho

Depois que o corpo de Luiz Taliberti, de 33 anos, foi encontrado em Brumadinho (MG) nesta terça-feira (29), as esperanças da família de localizar a noiva dele, a curitibana Fernanda Damian de Almeida, 30, são cada vez menores. O casal estava em uma pousada que foi completamente atingida pela lama da barragem, junto com o pai, a madrasta e a irmã do noivo.

A hospedagem recebia muitos turistas que viajavam para a região para conhecer o Instituto Inhotim, um dos mais importantes acervos de arte contemporânea do Brasil. Grávida de quatro meses, Fernanda, que estava estudando na Austrália, tinha vindo para o país passar as férias quando desapareceu após o rompimento da barragem na sexta-feira (25).

O corpo de Luiz foi encontrado nesta terça-feira. (Foto: Reprodução/Facebook)

O pai da jovem, o sargento Justino, que ajuda nas buscas por vítimas, já aceita a possibilidade de que a filha esteja morta. “Se o noivo foi encontrado nesse estado, com certeza com ela e os outros não será diferente. Esperança não tem mais. A única esperança que tenho agora é de achar o corpo. Nós já não estamos torcendo pela vida, mas para encontrar o corpo, que já está se decompondo”, completou.

Na tarde desta terça, a Defesa Civil de Minas Gerais informou que o número de pessoas mortas em Brumadinho chegou a 84, enquanto 276 continuam desaparecidas.

Ontem, três vítimas fatais foram retiradas de um ônibus e duas do refeitório da empresa Vale, onde muitos funcionários almoçavam no dia da tragédia.

Fernanda Damian de Almeida continua desaparecida

Sobre o autor

Jornalista, editor de Painel Político, consultoria e assessoria.
Related posts
Brasil

Um em cada cinco brasileiros usa o celular enquanto dirige

Brasil

Total médio de anos de estudo cresce no Brasil, segundo IBGE

Brasil

Investir em educação é eficaz para redução de homicídios, diz Unicef

Brasil

Embarcação naufraga no interior do Amazonas; seis estão desaparecidos

Assine nossa newsletter e receba nosso boletim semanal

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *