“Consideram nosso relacionamento doentio”, diz jovem de 19 que namora homem de 61

Read Time3 Minutes, 19 Seconds

Urszula tem 19 anos, enquanto seu namorado, Nigel, tem 61 anos. A moça afirma que o casal é muito criticado por conta da diferença de idade

A jovem Urszula Grzelak, de 19 anos, é de Varsóvia, na Polônia, e conheceu o atual namorado, Nigel Thorpe, de 61 anos, durante uma visita aos parentes que vivem no Reino Unido em agosto de 2016. A diferença de idade de 42 anos faz com que as pessoas chamem o homem de sugar daddy e considerem o relacionamento “doentio”.

Juntos há três anos, o casal relata ao site Daily Mail que sofre constantemente com comentários negativos a respeito da relação por conta da diferença de idade. Urszula afirma que é rotulada como “gold digger” – termo usado para se referir à pessoa que engata um relacionamento com interesse em dinheiro ou status. Enquanto isso, Nigel é apontado como ” sugar daddy “.

Eles se conheceram por meio da tia de Urszula e a jovem afirmou que a paixão pela música os uniu. “Não demorou muito para duas pessoas que amam heavy metal se conectarem e se aproximarem”, diz ela.

Casal é reprovado e sofre com comentários

casal sofre com comentários negativos por causa da diferença de idade:
Reprodução/Daily MailInicialmente, os pais da jovem foram os primeiros a não achar uma boa ideia ela namorar Nigel

Quando retornou para a Polônia, Urszula contou aos pais o que sentia por Nigel e teve um retorno negativo por parte dos familiares, que a obrigaram a não entrar mais em contato com o homem.

“Meus pais significam muito para mim. Eles estavam sempre lá quando eu precisava deles. Quando essas pessoas importantes da minha vida desaprovam meu relacionamento, dói muito”, desabafa ela. “No final, eles não tiveram sucesso, porque eu ainda mantive contato com Nigel e nossos sentimentos ficaram cada vez mais fortes”, pontua a jovem. Atualmente, de acordo com o casal, os pais dela aprovaram a relação e torcem por eles.

Com isso, Urszula, ao terminar o ensino médio, se mudou para o Reino Unido com o objetivo de morar com o homem e, depois de enfrentar a desaprovação dos familiares, era momento de lidar com os comentários de pessoas estranhas.

“Descrevem nosso relacionamento como polêmico e doentio . Eles fazem comentários desagradáveis, olham para nós ou apontam o dedo em nossa direção”, explica ela.

“Tivemos uma situação na Victoria’s Secret, onde todos estavam nos encarando. Eles estavam conversando sobre nós e rindo”, relata. Outra situação semelhante ocorreu em uma joalheria: “Acham que ele é um rico ‘ sugar daddy ‘ tentando agradar sua ‘ sugar baby ‘”, relembra Urszula.

A jovem conta que os funcionários da loja conversavam entre eles que era para mostrarem a ela tudo o que havia no estabelecimento porque o companheiro compraria.

casal
Reprodução/Daily MailApesar dos comentários negativos, o casal não deixa de sair em público e demonstrar o amor

Para superar os olhares e “fofocas”, a jovem diz que a solução é ignorar qualquer tipo de negatividade e focar apenas na alegria dela e do parceiro. “Não vai resolver nada tentar discutir com as pessoas”, garante a menina.

O casal não vê problemas em ser reprovado pelos estranhos, mas pede que não ultrapassem os limites e sejam “prejudiciais” ou “abusivos”. “Apontar os dedos na rua e gritar alto não é a maneira de expressar opiniões ou discordar sobre algo. As pessoas precisam entender que todos somos muito diferentes, mas ninguém pode julgar ou prejudicar as pessoas por causa disso”, diz Urszula.

Para finalizar, a jovem aconselha casais que passam pelo mesmo problema por conta da diferença de idade . “Para aqueles que querem namorar pessoas muito mais velhas ou mais jovens, tenham certeza de que se o seu coração lhe disser que é isso, aceite. O amor é mais forte que qualquer coisa. Não há limites para o amor”, conclui.

0 0
0 %
Happy
0 %
Sad
0 %
Excited
0 %
Angry
0 %
Surprise
Close