FBI desmonta site de streaming “com mais conteúdo que o Netflix”

Compartilhe
Read Time2 Minute, 0 Second

Juntos, IStreamItAll e Jetflix ofereciam mais de 300 mil episódios de TV e 10.500 filmes

Neste sábado (14) dois homens de Las Vegas se declararam culpados por infração de copyright e lavagem de dinheiro, em conexão com a operação de serviços de streaming ilegal que, juntos, ofereciam aos assinantes cerca de 300 mil episódios de TV e 10.500 filmes.

Darryl Julius Polo, conhecido como djppimp, era proprietário e operador do site IStreamItAll (ISIA). Segundo a acusação, entre setembro de 2014 e dezembro de 2016 o serviço processou mais de 18 mil transações de cartões de crédito e débito. As mensalidades para acesso ao serviço variavam de US$ 19,99 por mês a US$ 179,99 por ano, e no total Polo obteve mais de um milhão de dólares em lucro.

“… o réu enviou e-mails a possíveis assinantes, destacando o enorme catálogo de conteúdo do ISIA e incentivando-os a cancelar o Netflix, o Hulu e serviços similares e a se inscrever no ISIA”, diz o processo.

O serviço usava um sistema de scripts automatizados para vasculhar a Usenet e sites de Torrent em busca de conteúdo a ser adicionado ao catálogo. No total o ISIA oferecia 118.479 episódios de séries de TV e 10.980 filmes.

Além de Polo, Luis Angel Villarino, programador do site Jetflix, também se declarou culpado. Ele era responsável por desenvolver e manter scripts que, como no ISIA, vasculhavam a internet em busca de novo conteúdo para o site. Alguns destes scripts foram escritos por Polo, que trabalhou para o Jetflix antes de fundar o ISIA.

Em troca da admissão de culpa e cooperação com as autoridades, ambos poderão ter suas penas reduzidas. Eles terão de pagar restituição às suas vítimas (as proprietárias dos filmes e séries distribuídos ilegamente). Todo o dinheiro obtido com os serviços foi confiscado. Via Olhar Digital com TorrentFreak

Continue lendo…

0 0
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleppy
Sleppy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %
Close