Dando continuidade a visita aos prefeitos para apresentação da Proposta para o Desenvolvimento Aéreo de Rondônia, em atenção à Lei Federal n°13.097/2015 – do Programa de Desenvolvimento Aéreo Regional – PDAR, foi realizado na manhã de ontem (13), reunião na sede da Prefeitura de Porto Velho com o Prefeito Hildon Chaves.

Na ocasião, o Vice-Presidente da Fecomércio, Gladstone Frota fez a entrega da proposta ao prefeito e destacou a importância do seu apoio para que o aeroporto da capital possa receber os recursos do PDAR. “O apoio da Prefeitura de Porto Velho é fundamental para que possamos avançar e melhorar a malha aérea do nosso Estado e com isto promover o desenvolvimento da nossa região”, afirmou Gladstone Frota.

Outro ponto discutido, foi a necessidade de negociação com as empresas aéreas para o aumento no número de voos no Estado, que caiu de 27 para 9 voos diários, em virtude do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS sobre combustíveis de aeronaves cobrado em Rondônia ser muito elevado. O Vice-Presidente da Fecomércio citou o Amapá como exemplo. Recentemente o Estado, por meio do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) reduziu o imposto de 25% para 3% – um incentivo para o aumento da oferta de voos, garantindo a ampliação da malha aérea local e o fluxo de passageiros.

Foi ressaltado ainda durante a reunião, a necessidade de um novo pátio para estacionamento de aeronaves, levando em conta principalmente os esforços que estão sendo feitos pelo Governador de Rondônia, Marcos Rocha, para o alfandegamento do aeroporto da capital. Já o Prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, disse que “Propostas como essa vão ao encontro com nossa luta pelo fortalecimento da economia. Estamos à disposição para contribuir com esta causa”, afirmou.

Participaram da reunião, a Consultora Executiva da Fecomércio, Cileide de Macedo, o Diretor Regional do Senac, Hilton Gomes, o Diretor Regional do Sesc, Osvino Juraszek, o Presidente da Agência de Desenvolvimento de Porto Velho, Marcelo Thomé e o Diretor Técnico, Armando Moreira.

Fonte: Asfecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *