Jogador é acusado de estupro após marcar noite de sexo com uma mulher em Paris, na França

Uma imagem em que Neymar Jr. é flagrado dando um chute na cabeça da mulher que o acusa de estupro foi divulgada nesta quarta-feira (05/06/2019) pelo programa Cidade Alerta, da RecordTV. A cena teria ocorrido em um hotel luxuoso, no qual o jogador de futebol se encontrou com a suposta vítima.

De acordo com a mulher, o episódio ocorreu no dia 15 de maio, mas só foi registrado na última sexta-feira (31/05/2019), na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), em Santo Amaro, São Paulo. A jovem disse à polícia que estava emocionalmente abalada e teve medo de registrar o caso na França.

Ao programa, o pai do jogador, Neymar da Silva Santos, confirmou a veracidade da foto. “A imagem fala por si só. As pessoas conseguem ver que foi uma armadilha”, disse.

Segundo o patriarca da família Santos, o filho tentava se defender de uma investida da modelo, que teria tentado acertá-lo com uma garrafa de vidro. “Isso é um vídeo que foi ‘printado’. É um vídeo que vai provar que o Neymar foi agredido. Ela provoca uma agressão para que ele pudesse revidar. Quando ele percebe que está acontecendo uma armação, uma armadilha, ele se joga para trás na cama, porque ia levar uma garrafada”, disse.

De acordo com o pai, o jogador se encontrou uma segunda vez com a mulher, mas foi embora ao notar que havia um celular apoiado em um móvel, supostamente para filmar o ambiente.

A jovem falou com o jornalista Roberto Cabrini, do SBT, em entrevista que foi ao ar na noite desta quarta-feira.