Pastor Anderson do Carmo foi morto dentro de casa, na madrugada desse domingo (16/06/2019), com mais de 15 tiros


Os criminosos que assassinaram o pastor Anderson do Carmo, marido da deputada federal Flordelis (PSD-RJ), usaram pelo menos duas pistolas Glock calibre. 9mm. A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI) apontou que dois fragmentos de bala encontrados no local podem ajudar a identificar quem comprou as munições.

Anderson do Carmo, 42 anos, foi atingido por mais de 15 tiros, a maioria nas regiões do tórax e da genitália. O assassinato ocorreu na madrugada desse domingo (16/06/2019) e teria sido motivado por desavenças na família. O corpo do pastor será enterrado nesta segunda-feira (17/06/2019).

Os legistas que realizaram a autópsia não conseguiram concluir se os disparos foram feitos pelas costas ou pela frente da vítima. Até o momento, Flordelis, dois filhos e dois netos do casal já prestaram depoimento na delegacia. Câmeras de segurança nas imediações do local do crime também são analisadas.

De acordo com a Polícia Civil, na manhã desta segunda, foi realizada perícia no local e no carro da vítima. As investigações estão em andamento.