Para seus contatos
Read Time1 Minute, 21 Second

Salvina Vidal foi atacada após sair de casa para catar latinha; ninguém foi preso até agora

A idosa Salvina Vidal, de 74 anos, foi estuprada e brutalmente assassinada na madrugada deste domingo (8) em Lucas do Rio Verde (320 km de Cuiabá).

A vítima é mãe do sargento da Polícia Militar Juarez Pereira Vidal, que disputou nas eleições de 2018 para deputado estadual.

De acordo com a Polícia Civil, a idosa havia saido de casa para catar latinha por volta das 4h30. 

As imagens do circuito de monitoramento da região mostram a mulher caminhando e logo atrás um homem em uma bicicleta seguindo-a. Ele é considerado o principal suspeito do crime.

Ao retornar para a sua casa, a idosa foi obrigada a entrar em um terreno, onde foi estuprada e estrangulada até a morte.

O corpo dela foi encontrado por um vizinho às 11h.

Luto

Nas redes sociais, o sargento Vidal lamentou a morte da mãe e a forma como aconteceu a tragédia.

“Que dia triste, no dia Internacional da mulher, minha mãe sai pra caminhar todos os dias na cidade onde mora, Lucas do Rio Verde MT, e nessa madrugada encontrou com o mau, com um cara ruim, com alguém que eu também quero me encontrar, a assassinou para roubar e estuprar, tomei conhecimento ao meio dia. Deus no comando sempre”, disse o militar.

Até as 8 horas desta segunda-feira (9) a publicação já tinha mais de sete mil curtidas e dois mil comentários.

Segundo o sargento, o corpo da mãe será trazido de Lucas para Cuiabá, onde será velada e enterrada. Via Midianews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *