Faça parte de nossos grupos de Whatsapp

Tecnologia

Morador de Porto Velho cria aplicativo que mostra valores gastos com combustível

Software possibilita saber quanto o usuário vai gastar mensalmente, de acordo com o valor abastecido. Aplicativo está disponível para download de graça desde dezembro de 2018.

Um aplicativo desenvolvido por um morador de Porto Velho permite que o usuário saiba a média de gastos mensais com o combustível. O software, criado em dezembro de 2018, pode ser baixado de graça e já recebeu dezenas de downloads.

O servidor público Mario Fraga, de 34 anos, responsável pela criação do aplicativo “Qual o consumo?”, diz que o objetivo é utilizar das possibilidades da internet para criar algo útil e que possa prestar um serviço à população.

Tudo é ofertado de modo gratuito e sem as propagandas, pois segundo Mario, o objetivo é ajudar o consumidor.


Dowload pode ser feito gratuitamente. — Foto: Reprodução

“Sempre que a gente pensa em trocar de carro, uma das principais coisas que olhamos é o consumo. Então, utilizei da base de dados do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que é a mais confiável que temos e criei o aplicativo. Baseado nas informações que são preenchidas, a pessoa consegue saber quanto ela vai gastar mensal ou anualmente com o carro”, explicou.

Para fazer o levantamento, o software utiliza a base de índices de consumo oficiais do Inmetro, que conta com centenas de veículos de marcas e modelos diferentes.

A partir disso, o aplicativo ainda filtra informações que complementam a pesquisa. Dentre elas, a média de rodagem mensal do automóvel, além dos valores que costumeiramente são pagos pelo usuário na gasolina, no diesel e no etanol.


Gastos são informados de acordo com os dados preenchidos. — Foto: Reprodução



Trabalhando no desenvolvimento e programação desde os 16 anos, o baiano criado em Porto Velho desde os 14 anos também é dos representantes do estado no casting de palestrantes da Campus Party Brasil. Ele destaca a importância do aplicativo.

“A ideia era fazer algo que fosse legal às pessoas. E uma das coisas que eu queria fazer com isso era estudar a linguagem e tudo. Isso que torna a internet tão legal: esse propósito de ajudar os outros”, ressaltou Mario.

Como funciona?

Após o preenchimento das informações pessoais, o aplicativo solicita que o usuário informe os valores que costumam ser pagos nos postos em que abastece.

Depois disso, as informações do veículo – como ano, modelo, e marca – devem ser selecionadas. Para a praticidade do usuário, tudo aparece listado em ordem alfabética e são filtrados conforme as respostas são previamente fornecidas.

Por último, a quantidade de rodagem mensal do usuário, seguido da porcentagem de distribuição entre cidade e estrada, também deve ser informada.

Em seguida, o resultado do levantamento feito pelo aplicativo é apresentado na tela. Por lá, o usuário pode identificar os gastos que o automóvel vai gerar, de acordo com o combustível abastecido.

Fonte: g1

Related posts
Tecnologia

O que se sabe sobre o vídeo da Momo, que causou pânico no Brasil

Tecnologia

Gamers se defendem na internet após massacre em Suzano, #SomosGamersNãoAssassinos

Tecnologia

Usuários relatam dificuldades para acessar Facebook e Instagram

Tecnologia

Facebook lança programa para reduzir Fake News

Assine nossa newsletter e receba nosso boletim semanal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *