No RS, mulher é morta a tiros enquanto dormia, e ex-marido é suspeito, diz polícia

Read Time1 Minute, 35 Seconds

Segundo a polícia, a vítima estava com o atual companheiro quando foi surpreendida por dois homens. Eles arrombaram a janela do quarto do casal e um deles fez os disparos

Um mulher, de 28 anos, foi morta a tiros na madrugada deste domingo (30), em Passo Fundo, no Norte do Rio Grande do Sul. De acordo com o delegado Paulo Machado, a suspeita é que o autor do crime seja o ex-marido, de 38 anos.

Grasiela do Nascimento Pavão foi morta com dois tiros na cabeça, por volta das 2h. O caso é tratado como feminicídio, informa o G1/RS.

Segundo a polícia, a vítima estava com o atual companheiro quando foi surpreendida por dois homens. Eles arrombaram a janela do quarto do casal e um deles fez os disparos.

Grasiela chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital. O companheiro, que não ficou ferido, foi levado para o hospital em estado de choque.

À polícia, a mãe da vitima, que mora ao lado, disse que depois de ouvir os tiros viu o ex-marido da filha fugindo da casa com a arma na mão. Na ocorrência policial, a mãe disse ainda que também viu o irmão, de 25 anos, do suspeito fugindo do local.

Ela também disse que Grasiela já havia sido ameaça pelo ex-companheiro, que não aceitava o fim do relacionamento. A vítima não teria registrado ocorrência das ameaças.

A irmã da vítima Gabrieli Falcão disse que sempre soube das ameaças. “E vi as mensagens dele ameaçando ela. Temos tudo registrado no celular. Ela não registrou [na polícia] porque achou que ele não teria coragem”.

Grasiela e o ex-marido viveram juntos por oito anos, e há três meses estavam separados.

O caso será investigado pela delegada Daniela de Oliveira Minetto, da Delegacia da Mulher.

0 0
0 %
Happy
0 %
Sad
0 %
Excited
0 %
Angry
0 %
Surprise
Close