‘Querem passar que Najila é louca, mas não vão conseguir’, diz quarto advogado da modelo

Read Time2 Minutes, 20 Seconds

Cosme Araújo, de Ilhéus, ainda não se encontrou com a jovem, mas diz já estar atuando na defesa

O advogado baiano Cosme Araújo afirmou nesta quinta-feira que assumiu a defesa da modelo Najila Trindade, de 26 anos. Ele é o quarto defensor da jovem desde que a acusação de estupro contra Neymar veio à tona, em 1º de junho. Em entrevista ao GLOBO na manhã desta quinta-feira, Cosme disse que sua cliente não tem motivos para mentir e que não vai aceitar provocações de assessores do atacante da Seleção, que prestou depoimento na tarde desta quinta-feira em São Paulo.

— Ela (Najila) perdeu a confiança nos outros advogados. Houve muito vazamento. Parece que eles querem passar para o mundo que ela é uma bandida ou é louca. Mas não vão conseguir. Querer é uma coisa, conseguir é outra — disse Cosme. — Pensa bem: se estivesse mentindo, ela não teria por que insistir tanto na acusação.

Embora a polícia de São Paulo ainda não tenha recebido a procuração de Cosme e ele não tenha se encontrado com a modelo presencialmente, o advogado afirma que está conversando com Najila “três, quatro vezes por dia” e está se inteirando do caso. Ele disse que não conseguirá viajar a São Paulo nesta quinta-feira para acompanhar o depoimento do atacante à polícia.

Questionado sobre o fato de que a modelo não entregou para a polícia até hoje o vídeo de sete minutos que poderia comprovar as agressões de Neymar , Cosme respondeu que não comentaria o assunto porque isso faz parte do “sigilo profissional” entre advogado e cliente.

Em entrevista ao SBT na segunda-feira, Najila voltou a dizer que não sabia onde estava o tablet e sugeriu que a polícia estava “comprada” para não ajudá-la. A declaração motivou o registro de um boletim de ocorrência contra a modelo pela própria polícia, que acusa a jovem de difamação.

Morador de Ilhéus (BA), Cosme disse que chegou a Najila por intermédio do pai da modelo, que é seu amigo, “um ex-policial militar, evangélico, uma pessoa muito querida”, que vive em Ibirataia, também no interior da Bahia. Nas últimas eleições, Cosme concorreu a uma vaga de deputado federal pelo PDT. Recebeu 17.044 votos, mas não foi eleito. Dois anos antes, ele havia ficado em quarto colocado na eleição para prefeito de sua cidade, com 9.127 votos.

Sobre a estratégia que deve atuar para defender a modelo, o advogado prometeu ser ético, sem levar desaforo para casa:

— Vamos respeitar o lado do acusado, vamos trabalhar com lisura. Mas não vamos aceitar provocação do outro lado. Toda ação tem uma reação.

O Globo

0 0
0 %
Happy
0 %
Sad
0 %
Excited
0 %
Angry
0 %
Surprise
Close