Sony deixa de fabricar o PlayStation 4 no Brasil após redução de imposto; o preço baixou apenas R$ 200

Read Time1 Minute, 45 Seconds

Sony divulgou nesta segunda-feira, 26, que deixou de fabricar o PlayStation 4 no Brasil – a partir de agora, todos os aparelhos vendidos no País serão importados. Além disso, a empresa anunciou redução de preço nos consoles: a versão mais simples do PlayStation 4 agora custa R$ 2,4 mil, contra R$ 2,6 mil anteriormente. Já o PlayStation 4 Pro, versão “turbinada” do console, que tem suporte à resolução 4K, por exemplo, sai por R$ 2,8 mil – antes, era R$ 3 mil. 

Em comunicado, a empresa disse que a mudança nos preços se deve à “redução do Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) para videogames”, feita pelo governo Bolsonaro neste mês. No dia 15 de agosto, o governo federal reduziu o IPI sobre consoles de 50% para 40%; já partes e acessórios de videogame tiveram redução de 40% para 32%. A medida foi vista como um aceno do presidente Jair Bolsonaro à comunidade de jogadores, onde ele tem muitos seguidores.

Como o corte tarifário só é válido para aparelhos importados, não é difícil imaginar que ficou mais barato para a Sony trazer o aparelho de fora do que fazê-lo aqui. Com isso, apenas China e Japão terão fabricação local do PlayStation 4, que chegou ao mercado em novembro de 2013 e começou a ser vendido no País por R$ 4 mil, importado.

O preço do aparelho só baixou em 2015, quando começou a ser fabricado no País – executivos da Sony, na época, culparam justamente os impostos pelo preço de R$ 4 mil. Antes disso, chegou a ser mais barato pagar uma passagem de avião para os EUA e comprar um PS4 lá do que fazê-lo aqui no Brasil.

Além dos consoles, outros dispositivos da Sony tiveram preços reduzidos: o óculos de realidade virtual PlayStation VR agora é vendido por R$ 2,6 mil (era R$ 2,8 mil). Já o controle DualShock 4 teve uma redução de preço de R$ 10, custando agora R$ 249. Os novos preços, porém, devem demorar um pouco para chegar o varejo, uma vez que só valem para os pedidos faturados a partir desta segunda-feira, 26.

0 0
0 %
Happy
0 %
Sad
0 %
Excited
0 %
Angry
0 %
Surprise
Close