Vídeo mostra como aconteceu ataque ao Telegram de Sergio Moro; veja

Read Time1 Minute, 4 Seconds

Pesquisadores recriaram o ataque e mostram como é simples e porque se faz necessário ativar os sistemas de segurança disponíveis

A Polícia Federal prendeu na quarta-feira (23) quatro suspeitos de terem hackeado o ministro Sergio Moro e outras autoridades.

Enquanto as investigações continuam, a polícia afirma que o acesso ao aplicativo de mensagens Telegram, usado anteriormente por Moro, aconteceu por meio de uma falha na rede das operadoras de telefonia.

Os suspeitos teriam capturado o código de acesso [token] do Telegram de Moro ao tentar sincronizar a conta em um computador, no serviço web do Telegram.

O ministro Sergio Moro não contava com verificação em dois passos [duplo fator de autenticação], então, bastou ter o código de acesso em mãos para logar na conta.

Por isso, é importante que você ative o recurso em todos os aplicativos e serviços possíveis: ative PINs, códigos, duplos fatores.

Vídeo do ataque

O pesquisador Rodrigo Laneth, ao lado de Davidson Francis, Gustavo Oliveira e Shrimp, integrantes da Radialle, buscaram recriar o ataque passo a passo da maneira divulgada pela Polícia Federal.

É possível conferir, em detalhes, todos esses passos acessando o Medium

De Felipe Payão – Techmundo

0 0
0 %
Happy
0 %
Sad
0 %
Excited
0 %
Angry
0 %
Surprise
Close